Mossoró Hoje

Mossoró Hoje

Algumas áreas das cidades de Mossoró e de Assú estão sentindo a alteração na cor da água distribuída pela Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) nos últimos dias – o que resultou em reclamações por parte de alguns moradores. 




A Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte explicou que a mudança foi provocada por uma conjunção de fatores e  que não afeta sua potabilidade, ou seja, está dentro dos padrões previstos em legislação. 




“A cor alterada da água foi consequência da entrada de novas águas na barragem Armando Ribeiro. Além disso, o fechamento das comportas para realização de serviço, no sábado passado, pelo Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (Dnocs), contribuíram para o aumento de sedimentos na água captada pela Caern”, informou a Companhia.




A alteração de cor foi percebida em determinados locais de Mossoró que recebem água predominantemente da Armando Ribeiro Gonçalves. Em Assú, também, foi percebida a alteração. 




As chuvas na Paraíba estão contribuindo para o escoamento de água pelo Rio Piranhas que deságua na Armando Ribeiro. “É normal no período das chuvas ocorrer o carreamento de sedimentos para os rios. Este é um fenômeno cíclico que pode voltar a ocorrer dependendo do volume de chuvas. Somente com a sedimentação deste material ocorre a melhora nas características do produto como a cor”, explicou a Caern.




A previsão é que com a decantação dos sedimentos haja uma melhora na coloração do produto. O gerente da Regional Oeste, Márcio Bruno Dantas, menciona que sempre no período do inverno ocorre mudança na cor da água e espera-se que nos próximos dias haja uma melhora nesta característica da água.