Mossoró Hoje

Mossoró Hoje

A Secretaria do Estado de Educação e Cultura do Rio Grande do Norte (SEEC-RN) abriu processo administrativas contra professores da rede estadual, que podem resultar em demissões. 




A autorização foi dada nesta sexta-feira, 12, pela secretária Cláudia Santa Rosa, que expôs o caso em sua rede social. 




“Infelizmente, há quase 100% de chances de resultarem em demissões de professores, alguns em estágio probatório”, informou a secretária. Não foi informado quantos professores ou de quais municípios estão envolvidos. 




Santa Rosa relata que professores pagam entre R$ 800 e R$ 1 mil por mês de trabalho para pessoas os substituírem por meses e anos. A secretária que os diretores das escolas que forem coniventes com a prática também serão punidos.




“Grave, gravíssimo! Não preciso dizer o enquadramento legal e moral em um país imerso em investigações de corrupção e lesão dos bens públicos. A legislação é severa. Lamento!”, falou a secretária.




“Estou divulgando para que a população tome conhecimento e, se há outros casos, os envolvidos corrijam em tempo. Todos precisamos abraçar a escola pública”, concluiu.



imagem12-01-2018-18-01-40